3 meses: mudanças e resiliência

Texto e vídeo: Bianca Kirschner

Hoje, dia 10 de agosto, completamos 3 meses que saímos do nosso lar em São Paulo, SP. 92 dias do início da mudança para Hong Kong.

Quando faço reflexões sobre a quantidade de dias, eles representam 25% do ano; são várias semanas e já passamos por 4 apartamentos diferentes, 21 dias de quarentena completamente isolados de tudo e de todos e ainda não estamos na casa que alugamos.

Grande parte das nossas coisas pessoais ainda estão em alto mar, me sinto cansada, sentindo muita falta da minha individualidade, de uma rotina familiar. Tenho saudades da família, das amigas, da minha tribo!

Mudar gera medo, inúmeras inseguranças, exige muito planejamento para que tudo ocorra da maneira desejada. Requer buscar informações seguras e preencher inúmeros formulários.

Pessoalmente, prometi que sairia do Brasil bem e chegaria em Hong Kong bem também! Tem sido muito difícil fazer planos nesse momento, pois o foco tem sido a família, os meninos e o novo lar. Toda mudança requer muita resiliência e paciência. Há contratempos que ocorrem e muitas vezes não temos como solucionar!

Agora, teoricamente, falta pouco. Em breve, o ano letivo por aqui irá iniciar. Essa semana, temos a mudança para a casa que alugamos e continuamos muito empolgados e gratos por essa oportunidade de viver neste lado do mundo.

Montei este vídeo com alguns momentos:

Projeto Halloween inclusivo no Conexão. Faça o download do cartaz e também para colorir

Por Bianca Kirschner Sim, aqui vai ter Halloween Inclusivo, ou Dia das Bruxas, para quem preferir. E as crianças com Leia mais

Sim, não, talvez?

Bianca Kirschner Nós que convivemos com alergias alimentares precisamos aprender e saber dizer não! Acho que lá no início da Leia mais

Sobre cozinhas seguras. Um tema sempre atual.

Lucas: refeição segura sempre. Bianca Kirschner Acredito que a cozinha mais segura para o meu filho Leia mais

O que alérgicos alimentares podem experimentar dias depois de uma reação alérgica grave?

Bianca Kirschner Aqui na nossa casa, já vivenciamos algumas reações severas e pelo menos em duas ocasiões vimos o comportamento Leia mais