Viagens aéreas com alérgicos alimentares.

Bianca Kirschner

Viagem de avião, alergias alimentares, inseguranças, medos. São muitos os sentimentos para quem passa pela experiência, mas o importante é ter em mente que atitudes práticas nos trazem a tranquilidade necessária para o momento. Portanto, levar a própria alimentação, ter uma caneta de adrenalina à mão e ficar atenta a quaisquer vestígios “estranhos” de alimentos em assentos e mesas são atitudes essenciais.

As alergias alimentares do Lucas nunca nos limitaram em viajar de avião. Desde pequeno, temos viajado com ele e, depois que veio o irmão, Felipe, as aventuras ficaram mais cansativas, mas ao mesmo tempo mais divertidas também.

Claro que ainda temos inseguranças. Muitas vezes, me peguei dentro do avião pensando onde estava com a cabeça quando prossegui com a ideia de viajar com ele. Mas, em seguida, com calma, me recomponho e refaço cada passo até a entrada no avião e vou me dando conta que está tudo sob controle.

A comida que será ingerida pelo meu filho foi feita com segurança dentro da nossa casa. Temos a caneta de adrenalina em mãos junto com todo o kit primeiro socorros e o plano de ação.

Viver buscando cada vez mais conhecimento sobre alergias alimentares me tornou uma pessoa cada vez mais segura. Claro, que podemos ser surpreendidas e ter consciência disso também é importante. Isso permite mantermos o controle da situação, com planos de contingência caso necessário. E isso tem a ver também com o relacionamento com a tripulação, a companhia aérea e o tempo da viagem.

A certeza que você deve ter é: viagens aéreas são sim possíveis e essa possibilidade e planejamento irão oferecer ao filho alérgico a segurança necessária, que será assimilada na juventude e na vida adulta. E não é isso que nós, pais e mães, buscamos?

Como vocês planejam as viagens de vocês, que convivem com alergias alimentares?

 

 

A tribo da empatia

Felipe, que não possui alergias alimentares, almoçando com sua mãe num restaurante sem os cuidados com Leia mais

Emoção com esse boletim do Livre Alimentar

Bianca Kirschner No final do ano passado, Leda e eu fizemos uma mentoria com outras engajadoras sociais, todas dentro da Leia mais

Os tipos de escolas para alérgicos alimentares neste retorno às aulas.

Bianca Kirschner Estamos retornando às aulas presenciais e temos lido e recebido relatos de pais de alérgicos alimentares. Eles estão Leia mais

A conquista de cuidar de si mesmo

Bianca Kirschner Lucas está crescendo e com esse crescimento a necessidade de liberdade dele está aumentando. Por anos, nunca deixei Leia mais