Teste sanguíneo para alergias

Um exame de sangue, também chamado de teste de IgE específico, é uma poderosa ferramenta de diagnóstico de alergia que mede a concentração de anticorpos IgE específicos no sangue. Ele pode testar centenas de gatilhos alérgicos, como pólen, mofo, alimentos e pelos de animais.

Qualquer nível detectável de IgE específico indica uma sensibilização a um alérgeno específico. Mesmo um baixo nível de sensibilização pode ser significativo se estiver associado a sintomas quando você estiver exposto ao alérgeno específico. O inverso também pode ser verdadeiro.

Você pode ser sensibilizado a um alérgeno em qualquer nível. Mas se você não tiver sintomas quando exposto ao alérgeno, você não é clinicamente alérgico. Os resultados de um exame de sangue de alergia, juntamente com um histórico médico detalhado e um exame físico, ajudarão o profissional de saúde a desenvolver um plano de tratamento personalizado para sintomas alérgicos.

Confiável

O teste de sangue IgE específico fornece resultados consistentemente precisos. Uma determinação precisa de uma ou mais sensibilizações a alérgenos ajudará os profissionais de saúde a prescrever medicamentos apropriados, como anti-histamínicos ou medicamentos de emergência, e criar um plano personalizado para controlar os sintomas de alergia.
Ampla variedade

Um exame de sangue de IgE específico pode testar mais de 500 alérgenos inteiros e misturas – como pólen, alimentos e pêlos de animais – com uma única amostra de sangue. Identificar alérgenos relevantes que juntos contribuem para os sintomas é um pré-requisito para dar conselhos abrangentes sobre a prevenção de alérgenos e manter os indivíduos alérgicos abaixo do limiar dos sintomas.

Fácil

Qualquer pessoa com sintomas semelhantes a alergia pode receber exames de sangue IgE específicos. Isso significa que qualquer pessoa em qualquer idade pode fazer um exame de sangue. Os testes são simples de realizar e podem ser feitos independentemente da idade, condição da pele, uso de anti-histamínicos e gravidez.
Detalhado

Os exames de sangue podem detectar vários níveis de sensibilização a alérgenos. Um exame de sangue de alergia também pode ajudar um profissional de saúde a descobrir riscos ocultos, como reações alérgicas causadas por reatividade cruzada. Os sintomas podem ter diferentes desencadeadores de alérgenos originários ou famílias de proteínas e, portanto, requerem estratégias de tratamento personalizadas.

Seguro e Rápido

Ao contrário do teste cutâneo, não há risco de que um exame de sangue desencadeie uma reação alérgica. Isso é especialmente importante se um indivíduo estiver em maior risco de uma reação anafilática com risco de vida. E para bebês e crianças pequenas, uma única picada de agulha para uma amostra de sangue pode ser menos traumática do que o coçar repetido de um teste cutâneo.

Tipos de exames de sangue para alergia

Existem dois tipos de exames de sangue IgE específicos que podem auxiliar no diagnóstico de alergias:

– Testes de alérgenos inteiros podem ajudar a identificar os gatilhos alérgicos e ajudar a controlar uma alergia dentro ou fora.5-7
– Testes de componentes de alérgenos podem ajudar a identificar as proteínas alergênicas que podem estar causando os sintomas.8

Teste de alérgenos completos

O teste de IgE específico para alérgenos inteiros é usado para ajudar a confirmar uma suspeita de alergia, determinar a causa das reações ou descartar completamente uma alergia.
Teste de componentes de alérgenos

O teste de IgE específico para componentes alérgenos ajuda a identificar as proteínas específicas que podem causar reações. Então, em vez de apenas saber que um indivíduo é sensibilizado ao amendoim, por exemplo, um exame de sangue pode ajudar a identificar exatamente qual proteína dentro do amendoim pode desencadear uma reação. E conhecer a proteína específica pode ajudar um profissional de saúde a determinar se pode haver risco de uma reação sistêmica mais grave ou uma reação leve e localizada.

Fonte:

https://www.thermofisher.com/allergy/us/en/blood-testing-allergies.html

 

Você sabe o que fazer se uma criança tiver uma reação grave?

Por Enfermeira Katia Pacheco @enfkatiapacheco Crianças muito sensíveis podem ter risco para desenvolver uma anafilaxia, uma reação grave que se Leia mais

Conexão Alimentar lança selo participativo para a Semana de Conscientização Alimentar em maio

O Conexão Alimentar traz novamente um selo que visa conectar toda a comunidade durante a Semana de Conscientização Alimentar, que Leia mais

Epinefrina sem agulha para tratamento de anafilaxia

Foto reprodução divulgação Aquestive Na recente Reunião Anual da Academia Americana de Alergia, Asma e Imunologia Leia mais

Como fazer pegadas de coelho?

Muito boas as dicas da @fernandafloret Aqui em casa nada de farinha de trigo, devido às alergias do Lucas. Já Leia mais